Entre os dias 6 de setembro e 6 de outubro, Cabo Frio estará ainda mais cheia de bossa: pelo quinto ano consecutivo, a cidade que inspirou Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli a compor “O Barquinho”, em 1961, será palco do Festival Sabores, evento que reúne o melhor da gastronomia local. E a festa, que em 2019 será inspirada na Bossa Nova, reunirá mais de 60 estabelecimentos que capricharam na criação de pratos exclusivos a partir do tema “Cores, Sons e Sabores”.

As delícias ficarão em cartaz nos estabelecimentos participantes durante todo o festival e serão servidas de acordo com o horário de funcionamento das casas. Uma revista com informações como o descritivo dos pratos, endereços e horários de funcionamento dos estabelecimentos será distribuída nos restaurantes e hotéis. A publicação também poderá ser baixada no celular, através de um QR Code.

Para que todos possam saborear os mais variados pratos, o festival segue o exemplo das edições anteriores, com receitas apresentadas em versões ´petit´ (de até 200 gramas), a preços acessíveis. As entradas e os petiscos custam R$ 18; os pratos principais, R$ 24; e as sobremesas, R$ 15.

Entre as criações, está o petisco “O Grande Encontro”, do Paiol São Benedito, que reúne bolinhos de feijoada recheado com bacon e couve, de abóbora recheado com carne seca e de vaca atolada recheado com costela e agrião. Já na categoria prato principal, destacam-se opções como “Dias de sol, festa de luz!”, do Cereall Gourmet, que traz curry de legumes e especiarias exóticas com arroz jasmine; e “Quarteto Afinado de João Gilberto”, do Picolino: ragu de pato com laranja e shitake sobre polenta cremosa.
E ainda tem as sobremesas, como “Nosso Barquinho”, uma torta vegana e sem glúten de cacau com chantilly de limão, geleia de frutas vermelhas e cookie de amêndoas com chocolate belga, acompanhada de mini shake de sorvete azul, do Veg Visk; e “Sobre Tom”, uma taça trufada de chocolate, doce de leite e praliné de amêndoas, finalizada com creme e um leve toque de café, da Brigaderia da Vovó. A expectativa é de que o movimento seja ainda maior que o da última edição, quando foram vendidas mais de 40 mil porções.

A proposta do Sabores é apresentar a cidade durante a melhor temporada, fora do verão. E desta forma divulgar a qualidade e a variedade da gastronomia de Cabo Frio, assim como seus bons serviços, além de movimentar a economia. Feito em parceria com a rede hoteleira para incrementar o turismo, o festival tem se consolidado como um dos principais produtos turísticos do interior do estado.

E para atrair ainda mais visitantes, o Sabores estará presente no Salão do Turismo, que acontece no Rio de Janeiro, entre os dias 22 e 25 de agosto. O salão será montado dentro da nona edição do Rio Gastronomia, concorrido evento que movimenta o Píer Mauá de 16 a 18 e de 22 a 25 de agosto.

Bossa Nova

O tema do Sabores 2019 vem no embalo de “O Barquinho”, música de Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli, de 1961, inspirada em um passeio de barco feito pela dupla no mar de Cabo Frio.

Para homenagear os poetas da Bossa Nova, o festival irá se juntar ao Boulevard Boêmio, evento musical recém-lançado no Boulevard Canal. Na noite de abertura, 6 de setembro, o repertório dos artistas que subirem ao palco estará repleto das bucólicas canções que marcaram a Bossa Nova.

O Festival Sabores de Cabo Frio é uma realização da Associação de Hotéis de Cabo Frio, Cabo Frio Convention & Visitors Bureau, Sebrae e Tropic Produções, que também é produtora do evento.

Envie para os amigos Whatsapp Whatsapp Facebook